Design Thinking

Pense na vida como um protótipo. Podemos conduzir experimentos, fazer descobertas e mudar nossos pontos de vista.” – Tim Brown (CEO da IDEO)

A IDEO é uma empresa de design de produtos e consultoria para inovação que ajudou a popularizar o termo “Design Thinking”, embora não seja a criadora.

Através do livro Design Thinking: Uma Metodologia Poderosa Para Decretar o Fim Das Velhas Ideias, os princípios que norteiam essa mentalidade são apresentados por Brown, que relata sua experiência em projetos para clientes de áreas diversas que buscavam economizar, otimizar e inovar experiências, produtos e serviços.

Design Thinking é uma metodologia para software?

É uma abordagem para a solução criativa de problemas em todas as áreas, produtos ou serviços, descobrindo novas alternativas para os negócios e sociedade. Defende um “mergulho profundo” com foco nas pessoas para entender suas necessidades e encontrar respostas inovadoras e viáveis financeira e tecnicamente.

Apesar do uso por startups de tecnologia, não é uma metodologia limitada ao desenvolvimento de software e aplicativos móveis. Atualmente, o design thinking tem sido aplicado para lidar com uma ampla variedade de problemas, da distribuição de água potável à melhoria da segurança nos aeroportos.

Empatia, Colaboração e Experimentação.

Empatia significa estar em contato direto com os usuários, dialogando e observando os comportamentos e necessidades destes num ambiente real. O design thinking veste a pele dos outros para traduzir observações em ideias.

Colaboração é montar uma equipe multidisciplinar com especialidades e visões de mudo diferentes que trocam experiências e propõem ideias que possam ser testadas. Um processo evolutivo para cocriação de soluções entre equipe e público.

Experimentação quer dizer uma cultura de protótipos para explorar e lapidar ideias. Ou seja, ter abertura para testar hipóteses, construir versões, receber feedbacks, aprender com erros, aceitar sugestões e analisar resultados.

O que é? Como é feito? Quais são os benefícios?

Design Thinking: O que é? Como é feito? Quais são os benefícios?
Infográfico: Galguyn Grzyb, Jessica Dudyk, Caio Márcio Almeida. (Institutos Lactec)

O design thinking se divide em: observação (imersão); concepção (análise e síntese); configuração (ideação) e publicação (prototipação). Para exemplificar quais os objetivos de cada etapa, fiz um texto planejando uma rede social para conectar leitores e permitir o compartilhamento de livros baseada em geolocalização.

O download do arquivo Design Thinking Canvas – Shareader está no link abaixo.

DOWNLOAD - CLIQUE AQUI PARA BAIXAR

Quando um produto ou serviço é inovador, ele causa impacto na vida das pessoas e transforma a forma delas viverem e trabalharem.” – Tennyson

Mais Sobre

Anúncios

Deixe uma resposta